quarta-feira, 26 de abril de 2017

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Relógio em Braille

Até hoje o que a tecnologia desenvolveu para os cegos em termos de acesso às horas, era nada mais do que um relógio de pulso convencional que permitia ao cego passar a mão sobre os ponteiros do relógio, percebendo assim as horas. Alguns modelos de relógios digitas vem com recurso de voz, assim o cego pode ouvir as horas.
Tudo isso agora está prestes a se tornar coisa do passado, pois o designer americano David Chavez criou um relógio que marcar as horas em Braille. É isso mesmo, os números são apresentados em Braille para o cego, não existem ponteiros no relógio e o formato do relógio ajuda ao cego na localização e leitura das horas.
O nome do Relógio é HAPTICA vejam as imagens:


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Curso: O papel do professor no combate ao Bullying na escola.

É com grande prazer que socializo mais um curso com vocês. Neste sábado dia 10 de agosto tem início mais um curso. Dessa vez vamos discutir e aprender um pouco sobre um fenômeno que vem assustando a sociedade atual, o Bullying.

O curso tem como público alvo professores e estudantes de pedagogia. Serão quatro sábados de 08:00 às 12:00.

terça-feira, 23 de julho de 2013

Caneta que corrige erros de ortografia

Uma dupla de pesquisadores alemães desenvolveu uma tecnologia que vai facilitar bastante a vida daquelas pessoas que tem um pouco de dificuldade com a escrita de palavras, frases e até mesmo textos das mais diversas modalidades. 
Batizada de Lernstift (PS: as informações no link estão em alemão, mas seu navegador pode traduzir a página.) e popularmente conhecida como caneta ortográfica. A Lernstift é uma caneta que corrige erros ortográficos durante o processo de escrita, para tanto, a caneta é equipada com um sensor de movimento, acelerômetro e giroscópio para reconhecer o que está sendo escrito. Se a pessoa comete algum erro na escrita a caneta vibra para indicar o erro ortográfico. Além da função de apontar erros ortográficos através da vibração a caneta tem outra função que é a de corrigir letras mal escritas, melhorando assim a caligrafia do escritor.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

O planeta Terra somos nós

Um excelente vídeo para tentar conscientizar os seres humanos de que estamos destruindo o planeta.

quarta-feira, 5 de junho de 2013

A escola

"Era uma escola nada engraçada,
não tinha diretor,
não tinha nada,
ninguém podia estudar nela não,
porque os professores lá não vão!
Ninguém podia navegar na rede,
porque naquela escola se quer tinha parede.
Ninguém podia aprender ali,
pois vegetais não tem QI.
E o nosso prefeito sem nenhum critério, pra educação, dá reajuste DOIS VÍRGULA ZERO..."




segunda-feira, 27 de maio de 2013

A realidade da educação brasileira

Está charge do Maurício Ricardo retrata muito bem a situação da educação no nosso pais.

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Educação Inclusiva: Introdução ao Código Braille para professores.

A S. L. Soluções Pedagógicas tem o prazer de apresentar o Curso Educação Inclusiva: introdução ao Código Braille para professores. O curso tem como objetivo instrumentalizar professores e estudantes de pedagogia para atuar de forma significativa no processo de ensino e de aprendizagem de alunos cegos. Além de discutir a importância da inserção do Braille na sociedade com objetivo de dar mais autonomia às pessoas cegas.
 
Com início no dia 20 de abril e término no dia 08 de junho. O curso tem carga horária de 32 horas, distribuidas em 8 sábados sempre pela manhã. O valor total do curso é de R$ 80, 00 que podem ser pagos de 2 X R$ 40,00, sendo a primeira em abril e a segunda em maio.
 
Os assuntos abordados no curso serão: a história do Braille; o alfabeto Braille; números em Braille e caracteres especiais; o uso da Reglete para escrita Braille; Pré–Soroban: desenvolvendo noções matemáticas no aluno; o uso do Soroban como ferramenta para a realização de cálculos; orientação e Mobilidade: a localização espacial para uma pessoa cega; adaptação de materiais.
Responsável: Professor Sidnei Lima
Tel: 91948583

quinta-feira, 28 de março de 2013

Simulado para Prova Brasil

Com objetivo de preparar os alunos para a Prova Brasil, desta forma melhorando a posição da Escola Municipal Francisca de Sande no IDEB estou disponibilizando, através de uma ferramenta disponível na Internet, um simulado envolvendo questões da Prova Brasil disponibilizada pelo MEC.
A iniciativa busca também contribuir para a redução do papel utilizado pela instituição na elaboração de provas e testes, já que os alunos podem realizar as provas no ambiente virtual.

Create your free online surveys with SurveyMonkey , the world's leading questionnaire tool.

quarta-feira, 13 de março de 2013

Curso de inglês gratuito!

O Ministério da Educação – MEC está ofertanto para estudandes de graduação e  pós-gradução de universidades públicas e particulares de todo o Brasil cursos de inglês para incentivar o aprendizado do idioma. A condição para os alunos de cursos de graduação de instituições particulares particar é ter feito no mínimo 600 pontos no ENEM. O nome do projeto é Inglês Sem Fronteiras. O curso será ofertado em duas modalidades, presencial e a distância. Na modalidade a distância serão mais de 20 mil vagas.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Impeachment do Presidente do Senado: Renan Calheiros

Os políticos brasileiros acabam de aprontar mais uma com a população brasileira que vota e espera que eles representem os interesses da população, mas como sempre eles acabam fazendo politicagem, pensando apenas nos interesses particulares.
O Senador Renan Calheiros foi eleito Presidente do Senado. Como diria Boris " Isso é uma vergonha"
Emiliano Magalhães Brasil, cidadão brasileiro revoltado com a eleição de Renan, resolveu usar os recursos da Internet para lutar contra esse absurdo. Ele está utilizando a ferramenta AVAAZ. ORG: petições da comunidade. O Emiliano criou uma petição contra a eleição de Renan Calheiros para presidente do senado.
A constituição do nosso país afirma que “A iniciativa popular pode ser exercida pela apresentação à Câmara dos Deputados de projeto de lei subscrito por, no mínimo, um por cento do eleitorado nacional, distribuído pelo menos por cinco Estados, com não menos de três décimos por cento dos eleitores de cada um deles”.

Precisamos de 1% do eleitorado nacional para levar esta petição para o Congresso e exigir que os Senadores escutem a voz do povo que os elegeu.